Natal/ RN - quarta-feira, 22 de maio de 2024
(84) 99128-5300

Rádio Saudades de Reginaldo Rossi – Natal/RN

Publicado em: 11/04/2024 - 3h04
Rádio Saudades de Reginaldo Rossi – Natal/RN

Escute aqui a Rádio Web Reginaldo Rossi direto de Natal no Rio Grande do Norte.

Diariamente vamos inserindo novas músicas e velhos sucessos do Rei Reginaldo Rossi.

Reginaldo Rodrigues dos Santos, mais conhecido como Reginaldo Rossi (Recife, 14 de fevereiro de 1943[nota 1] — Recife, 20 de dezembro de 2013), foi um cantor e compositor brasileiro, conhecido como o “Rei do Brega”.[6]

Biografia
Reginaldo nasceu no Recife, capital de Pernambuco, em 14 de fevereiro de 1943.[nota 1] Foi estudante de graduação em engenharia civil por quatro anos e ensinava física e matemática.[4] Com influência de Elvis Presley e dos Beatles, começou a carreira artística cantando rock e foi crooner em boates.[4][7]

Clique no play se o tocador não iniciar

Carreira artística
Anos 1960
Iniciou sua carreira artística em 1964, comandando o grupo de rock The Silver Jets, depois integrando-se à Jovem Guarda. No início, abria shows de Roberto Carlos.[8]

Reginaldo Rossi lançou muitos álbuns durante sua carreira, sendo os três primeiros no estilo da época, o rock da Jovem Guarda: O Pão (1966), Festa dos Pães (1967) e O Quente (1968).

Anos 1970
Na década de 1970 que Rossi se afastou do rock com o trabalho À Procura de Você, que o iniciou no gênero brega-romântico.[9] Gravou sete álbuns durante esse período, quase todos pela gravadora CBS, quando grandes nomes da Jovem Guarda gravavam suas canções.[10]

Em 1972 lançou Mon Amour, Meu Bem, Ma Femme seu maior sucesso até então. Nessa mesma década lançou outros hits, como: Desterro e Pedaço De Mau Caminho.[11]

Anos 1980
A década de 1980 começou com o sucesso do álbum A Volta, que trouxe as canções Volta, Amor, Amor, Amor e Recife, quando Reginaldo Rossi ganhou seu primeiro disco de ouro, com mais de 100 000 cópias vendidas.[12] Em 1982 lançou A Raposa e as Uvas, Feito De Amor (L’Ultima Cosa) e A Volta.

Nos anos 1980, Reginaldo já era um sucesso nacional e não só nas regiões Norte e Nordeste, mas ainda não tinha um sucesso que alcançasse todo o país. Em 1987, lançou um de seus maiores sucessos: Garçom. Com ela, o artista alcançou a marca de dois milhões de cópias vendidas.[10]

Anos 1990
De 1990 até 1995, o cantor não lançou discos novos. Em 1998, foi a vez do CD Reginaldo Rossi ao Vivo, com sucessos como A Raposa e as Uvas e Mon Amour, meu Bem, ma Femme. Um ano depois, o CD Reginaldo Rossi the King teve a contribuição de convidados como Wanderléa, Erasmo Carlos, Golden Boys, Roberta Miranda, além da banda Planet Hemp. O disco vendeu um milhão de cópias.[13]

Em fins da década de 1990 houve um ressurgimento de Reginaldo Rossi no sul do país, provocando relançamento de seus discos em CD. O cantor e compositor passou a ser visto como cult e assinou contrato com a gravadora Sony.[14]

Anos 2010
Em 2010 Reginaldo Rossi gravou seu último CD, o Cabaret do Rossi, em que fez questão de revisitar seus grandes sucessos e enfatizar o estilo brega. Sua última aparição pública foi na gravação do DVD da banda Calypso, em agosto. Porém, os dois últimos shows do cantor foram nos dias 21 e 22 de novembro no Manhattan Café Teatro, no Recife.[15]

Carreira política
Na política, Reginaldo foi candidato a vereador do município de Jaboatão dos Guararapes em 2008. Obteve 717 votos, ficando como o 119º mais votado.[1][16] Filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT), Reginaldo tentou se eleger novamente, dessa vez para deputado estadual, nas eleições de 2010.[2] Novamente não teve êxito: conseguiu 14 934 votos e ficou na 93ª colocação no pleito.[17]

Morte
No dia 9 de dezembro de 2013, Rossi passou por um procedimento chamado toracocentese, que retirou dois litros de líquido acumulados entre a pleura e o pulmão.[18] O resultado da biopsia, divulgado dois dias depois, confirmou o diagnóstico de câncer de pulmão.[19]

Reginaldo Rossi morreu na manhã do dia 20 de dezembro de 2013, aos 70 anos, de falência múltipla de órgãos, em decorrência do câncer no pulmão que foi detectado dias antes.[7] Seu corpo foi sepultado no Cemitério Morada da Paz em Paulista, Região Metropolitana do Recife, ao som de Recife, Minha Cidade, música que compôs em homenagem à sua terra natal.[20][21]

Oito meses após sua morte, sua viúva Celeide Neves morreu, aos 67 anos, também no Recife, de infarto, em 15 de agosto de 2014.[22]

Fonte: https://pt.wikipedia.org/wiki/Reginaldo_Rossi

Tags: ,

O que você achou? Siga @natalemfoco no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Cobertura do Natal em Foco Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e do mundo? Siga o Natal em Foco nas Redes Sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram, no TikTok e no YouTube. Acompanhe!

Comunicado da Redação – Natal em Foco
Site de notícias em Natal, aqui você encontra as últimas notícias da Capital e demais municípios do Rio Grande do Norte. Destaque para seção de empregos e estágios, utilidade pública, publicidade legal e ainda Turismo, Web Rádio, Saúde, política, entretenimento e esportes. Natal em Foco, Online desde 2023, anuncie conosco e tenha certeza de bons negócios.

Siga o Natal em Foco Nas Redes Sociais

Tags:,


Desenvolvido por Argo Soluções

:::: PUBLICIDADE :::::

::: Anuncie Conosco - https://natalemfoco.com.br :::