Natal/ RN - quinta-feira, 13 de junho de 2024
(84) 99128-5300

Meteorologia: Volume de chuvas em maio no RN está 6% abaixo da média histórica

Publicado em: 24/05/2024 - 1h52
Meteorologia: Volume de chuvas em maio no RN está 6% abaixo da média histórica

Meteorologia da Emparn aponta, em análise nesta sexta-feira (24), que volume de chuvas em maio está 6% abaixo da média histórica

Quanto às regiões Central e Oeste, que nesse período começa o período de estiagem, as chuvas devem ocorrer em índices próximos à normalidade

Ntal/RN – A Empresa de Pesquisa Agropecuária do Rio Grande do Norte (Emparn) concluiu nesta sexta-feira (24) a análise das condições de chuvas e previsão para os meses de junho, julho e agosto de 2024 para o Rio Grande do Norte.

De acordo com a Unidade Instrumental de Meteorologia da Emparn, as condições de chuvas devem variar entre normal a acima da média histórica para as regiões Leste e Agreste do estado.

Quanto às regiões Central e Oeste, que nesse período começa o período de estiagem, as chuvas devem ocorrer em índices próximos à normalidade, podendo em alguns momentos ocorrer pancadas de chuvas significativas.

Segundo o serviço de meteorologia da Emparn, as condições oceânicas e da circulação atmosféricas são determinantes.

No oceano Atlântico, as águas superficiais na bacia tropical continuam mais quentes que o normal, mantendo as condições favoráveis à ocorrência de chuvas com intensidade moderadas a fortes para esse período em toda a faixa litorânea do Nordeste — deste o sul do estado da Bahia até o litoral norte do Rio Grande do Norte.

As temperaturas, de acordo com o meteorologista Gilmar Bristot, continuarão apresentando valores acima do normal, com a máxima variando de 290C a 310C e a mínima entre 200C a 240C.

No interior do estado, a temperatura máxima deve variar entre 330C a 350C e a mínima entre 180C a 220C nas regiões serranas.

Em maio — As chuvas observadas até o momento, durante o mês de maio no Rio Grande do Norte, apresentaram valores abaixo do normal devido principalmente à presença de um bloqueio atmosférico que se instalou durante grande parte do mês sobre a parte central a América do Sul, de acordo com o meteorologista Gilmar Bristot, impedindo a passagem de sistemas frontais e forçando o deslocamento da Zona de Convergência Intertropical para o norte.

Parâmetros que, segundo a Emparn, provocam a redução das instabilidades sobre a região. Foram observados alguns eventos com chuvas fortes nas regiões do Oeste, no município de Campo Grande e no Litoral Leste, região da Grande Natal. As regiões Central e Agreste do Rio Grande do Norte registraram, em maio, chuvas abaixo do esperado para o período (até 24 de maio), com 29,4% e 31,5%, respectivamente.

Ascom.

Foto: Natal em Foco.

Tags: , ,

O que você achou? Siga @natalemfoco no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Cobertura do Natal em Foco Quer ficar por dentro sobre as principais notícias do Rio Grande do Norte, Brasil e do mundo? Siga o Natal em Foco nas Redes Sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram, no TikTok e no YouTube. Acompanhe!

Comunicado da Redação – Natal em Foco
Site de notícias em Natal, aqui você encontra as últimas notícias da Capital e demais municípios do Rio Grande do Norte. Destaque para seção de empregos e estágios, utilidade pública, publicidade legal e ainda Turismo, Web Rádio, Saúde, política, entretenimento e esportes. Natal em Foco, Online desde 2023, anuncie conosco e tenha certeza de bons negócios.

Siga o Natal em Foco Nas Redes Sociais

Tags:, ,


Mais lidas
1
Capa - 4 horas atrás Sol, praia, gastronomia e aventura fazem de Canoa Quebrada uma das principais escolhas para as férias no Nordeste Quem visita Canoa Quebrada tem por obrigação contemplar e também eternizar esses momentos na memória
2
Capa - 4 horas atrás Fecomércio RN é homenageada por contribuir para o desenvolvimento de Natal O evento, proposto pela mesa diretora da CMN, reconheceu personalidades, empresas e instituições que contribuem para o desenvolvimento da cidade
3
Destaques - 9 horas atrás Sebrae oferece orientação aos MEIs que não declararam faturamento em 2024 Mais de 7,2 milhões de microempreendedores individuais (MEI) de todo o país não entregaram a Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-SIMEI) dentro do prazo, que terminou no dia 31 de maio
4
Política - 9 horas atrás FIERN participa de audiência pública sobre oportunidades e riscos para o desenvolvimento sustentável na ALRN No Brasil são produzidas 80 milhões de toneladas de resíduos sólidos urbanos e a tendência é aumentar. Muito desse número são materiais que podem ser reaproveitados pelas indústrias, ao invés de usarem matéria-prima virgem ou destinar os resíduos para aterros e lixões
5
Capa - 9 horas atrás Presidente da Fecomércio RN participa de audiência pública sobre Desenvolvimento Sustentável O evento reuniu especialistas, autoridades e representantes de diversos setores. A presença do presidente da Fecomércio RN reforçou o compromisso da entidade com a promoção de práticas empresariais responsáveis e sustentáveis

Desenvolvido por Argo Soluções

:::: PUBLICIDADE :::::

::: Anuncie Conosco - https://natalemfoco.com.br :::